Câmara de Vereadores de Nova Prata

This is an example of a HTML caption with a link.

Ata

ATA DIA 30.11.2015 - Aprovado

ATA DA 38ª. SESSÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES, REALIZADA NO DIA 30 DE NOVEMBRO DE 2015. Aos trinta dias do mês de novembro, do ano de dois mil e quinze, às 19 horas, no Plenário Valdir Fochesatto da Câmara de Vereadores, situado na Avenida Cônego Peres 140 em Nova Prata, reuniram-se em sessão ordinária, os Vereadores: Ismael Frison, Altir José Ferro, Hermes José Stormovski, Luciano Toscan, Fernando David, Sergio Zenbruski, Sebastião Costa Mamede, Adelar Lorencet, Clodoaldo Dias Moraes, Gilmar Peruzzo e Antônio de Oliveira. Sob a Presidência do Vereador Ismael Frison, foi aberta a sessão. A seguir, passou-se aos trabalhos da ordem do dia, assim deliberados: 1 – Aprovação da ata da sessão anterior. (23.11.2015). Ata aprovada por todos os Vereadores. 2 – Projeto de lei nº 235/2015, fixa normas para pagamento do IPTU, da taxa de coleta de lixo, da taxa de fiscalização e vistoria e do ISSQN fíxo para o exercício de 2016. Projeto aprovado por unanimidade de votos. 3 – Projeto de lei nº 236/2015, concede anistia da multa e dispensa parte dos juros de débitos em atraso, mediante pagamento até o prazo estabelecido; dá outras providências. Projeto aprovado por unanimidade de votos. 4 - Projeto de Lei nº 244/2015 autoriza a abertura de crédito suplementar no orçamento vigente por rendimentos de aplicação financeira (Secretaria de Obras- R$41.854,36). Projeto aprovado por unanimidade de votos. 5 - Projeto de Lei nº 245/2015 autoriza a abertura de crédito suplementar no orçamento vigente por rendimentos de aplicação financeira (Secretaria de Obras- 22.855,64). Projeto aprovado por todos os Vereadores. 6 - Projeto de Lei 246/2015- autoriza a abertura de crédito suplementar no orçamento vigente por redução orçamentária (Secretaria de Obras- adequação orçamentária R$ 200.000,00). Projeto aprovado por unanimidade de votos. 7 - Projeto de Lei 250/2015 Cria Fundo Municipal do Idoso. Projeto aprovado por todos os Vereadores. 8 - Projeto de Lei 251/2015- autoriza a abertura de crédito suplementar no orçamento vigente por redução orçamentária (Secretaria de educação- obras em escolas municipais- R$ 31.436,59). Projeto aprovado por todos os Vereadores. 9 - Projeto de Lei 252/2015- autoriza a abertura de crédito suplementar no orçamento vigente por redução orçamentária (Secretaria de educação- contrapartida de verba do BADESUL- R$ 5.000,00). Projeto aprovado por unanimidade de votos. 10 - Projeto de Lei 253/2015 autoriza o Poder Executivo Municipal a aprovar e autorizar desmembramento de imóvel (Imóvel de propriedade de Armindo Loro e Pierina Dala Palma Loro). Projeto aprovado por todos os Vereadores. 11 - Projeto de Lei 254/2015- Autoriza o município a doar, com encargo, um terreno para a Câmara de Dirigentes Lojistas de Nova Prata. Projeto aprovado por unanimidade de votos. 12- Projeto de Lei nº 261/2015- Autoriza doação de terreno Loteamento Berçário Industrial I (AQUASERRA QUIMICA LTDA ME). Projeto aprovado por unanimidade de votos. 13 - -Projeto de Lei nº 263/2015- Autoriza doação de terreno Loteamento Berçário Industrial I (METALÚRGICA BOCCALON LTDA ME).Projeto aprovado por unanimidade de votos. 14 - Projeto de Lei nº 264/2015- Autoriza doação de terreno Loteamento Berçário Industrial I (EGET INDÚSTRIA DE EQUIPAMENTOS INDUSTRIAIS LTDA ME). Projeto aprovado por unanimidade de votos. 15 - Projeto de Lei nº 265/2015- Autoriza doação de terreno Loteamento Berçário Industrial I (MAXIAL BOX E ESQUADRIAS LTDA ME). Projeto aprovado por todos os Vereadores. 16 - Projeto de Lei nº 266/2015- Autoriza desafetação de terrenos Loteamento Berçário Industrial I (Desafetação dos terrenos 01 e 02, a fim de doar para a ASSOCIAÇÃO DOS EMPRESÁRIOS DO BERÇÁRIO INDUSTRIAL I). Projeto aprovado por todos os Vereadores. 17 - Projeto de Lei nº 267/2015- Autoriza doação de terreno Loteamento Berçário Industrial I (SOLA BELA INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE SOLADOS LTDA ME). Projeto aprovado por todos os Vereadores. 18 - Projeto de Lei 268/2015 autoriza o município a alterar e aprova nova configuração do Loteamento Berçário Industrial II. Projeto aprovado por todos os Vereadores. 19 - Projeto de Lei nº 269/2015- Autoriza doação de terreno Loteamento Berçário Industrial II (LE PEDRAS ANDRETTA LTDA ME). Projeto aprovado por todos os Vereadores. 20 - Projeto de Lei nº 270/2015- Autoriza doação de terreno Loteamento Berçário Industrial II (BENEFICIAMENTO E COMÉRCIO DE BASALTO SANTO ANTONIO LTDA EPP). Projeto aprovado por todos os Vereadores. 21 - Projeto de Lei nº 271/2015- Autoriza doação de terreno Loteamento Berçário Industrial II (POSPLAST EMBALAGENS PLASTICAS LTDA ME).Projeto aprovado por unanimidade de votos. 22 - Projeto de Lei nº 272/2015- Autoriza doação de terreno Loteamento Berçário Industrial II (PRATHAUTO VEÍCULOS LTDA ME). Projeto aprovado por unanimidade de votos. 23 - Projeto de lei nº 273/2015 autoriza doação de terreno no Loteamento Berçário Industrial II – (DALL AGNOL INDÚSTRIA) Projeto aprovado por unanimidade de votos. PROJETOS NOVOS DO PODER EXECUTIVO: 1 - Projeto de lei nº 274/2015 inclui artigo na lei municipal 9318/2015 de 12 de agosto de 2015. (Assistência Social – visa implementar o benefício do auxílio pernoite a ser pago nos casos que o referido projeto de lei fixa). Projeto encaminhado para estudo das Comissões de Justiça, Finanças e Assuntos Gerais. 2 – Projeto de lei nº 275/2015 autoriza a abertura de crédito suplementar no orçamento vigente por redução orçamentária. (Adequação orçamentária para aquisição de medicamentos para serem distribuídos a população. R$ 190.000,00) Projeto baixado para estudo das Comissões. 3 – Projeto de lei nº 276/2015 autoriza o Poder Executivo Municipal a renovar termo de cooperação de governança Regional com a Associação de Turismo da Serra Nordeste - ATUASERRA; autoriza o Poder Executivo Municipal a repassar verba mensal a ATUASERRA; dá outras providências. (Roteiro Thermas e Longevidade – custo – 14.400,00 em 12 parcelas mensais de R$ 1.200,00 – período compreendido entre janeiro a dezembro de 2016). Projeto encaminhado para análise das Comissões de Justiça, Finanças e Assuntos Gerais. 4 – Projeto de lei nº 277/2015 autoriza o Poder Executivo Municipal a renovar termo de cooperação com a Associação de Turismo da Serra Nordeste – ATUASERRA; autoriza o Poder Executivo a repassar verba mensal a ATUASERRA; dá outras providências. (R$ 10.800,00 divididos em 12 parcelas.) Projeto baixado para estudo das Comissões de Justiça, Finanças e Assuntos Gerais. 5 – Projeto de lei nº 278/2015 autoriza a abertura de crédito suplementar no orçamento vigente por redução orçamentária. (Secretaria de Obras e Saneamento – realização de obras infra-estrutura – R$ 28.000,00) Projeto encaminhado para análise das Comissões de Justiça, Finanças e Assuntos Gerais. 6 – Projeto de lei nº 279/2015 autoriza o Poder Executivo a promover desafetação de imóvel de sua propriedade. Projeto baixado para estudo das Comissões. 7 – Projeto de lei nº 280/2015 altera em parte a lei municipal 9206/2015 de 17 de março de 2015. (Altera a escolaridade exigida para provimento do cargo de MONITOR PARA ALUNOS ESPECIAIS).Projeto encaminhado para estudo das Comissões. 8 – Projeto de lei nº 281/2015 autoriza o Poder Executivo Municipal a conceder a utilização de ginásios de esportes para a Associação União Acadêmica Esportiva Recreativa e Cultural e Assistencial de forma gratuita; dá outras providências. Projeto aprovado por unanimidade de votos. 9 – Projeto de lei nº 282/2015 autoriza o município a proceder na devolução de valores pagos por empresas em face de revogação de leis que tratam de doações de terrenos nos Berçários Industriais I e II. Projeto baixado para estudo das Comissões. 10 – Ofício nº 3.000.52/2015 do Poder Executivo, apresenta veto a emenda ao projeto de lei nº 194/2015 que dispõe sobre as Diretrizes Orçamentária para o Exercício financeiro de 2016 – emenda do Vereador Atila Alexandre Garcia Kogan – Função 10 – Saúde – 2062 – gratificação especial para motoristas. Expediente encaminhado para estudo das Comissões de Justiça, Finanças e Assuntos Gerais. EXPEDIENTE DO PODER LEGISLATIVO: 1 – Proposição do Vereador Altir José Ferro, dispõe sobre conserto de pavimentação – (paralelepípedo) na avenida Imperatriz Leopoldina. Proposição aprovada por unanimidade de votos. 2 – Proposição do Vereador Hermes José Stormovski, dispõe sobre remoção de canteiros na avenida Imperatriz Leopoldina. Proposição aprovada por todos os Vereadores. Registramos nesta ata, que o requerimento apresentado pelos vereadores Adelar Lorencet, Luciano Toscan, Fernando David Antônio de Oliveira (Juraci) e Clodoaldo D. Moraes, que visava incluir na ordem do dia da sessão de 30 de novembro de 2015, projetos de leis, não foi lido por não atender o Regimento Interno da Câmara. Na mesma sessão foram aprovadas diárias. Vereador Antônio de Oliveira: Meia diária Porto Alegre dia 02 de dezembro de 2015, visita a Assembleia Legislativa para tratar de assuntos de interesse do município. Antônio de Oliveira: Quatro diárias para viajar a Brasília de 08 a 11 de dezembro de 2015, visita a diversos Ministérios e participar de reuniões com Senadores e Deputados Federais. Sebastião Costa Mamede: Meia diária Porto Alegre dia 02 de dezembro de 2015, visita ao DAER e Assembleia Legislativa EXPLICAÇÕES PESSOAIS DIA 30.11.2015 VER. SERGIO ZENBRUSKI: Senhor presidente, colegas vereadores, plateia aqui presente, empresários, alguns ex-vereadores já estão presentes para serem homenageados hoje. Eu começo a falar da área industrial II, meus parabéns aos empresários que os projetos forma aprovados por esta casa e tenham certeza que eu nunca fui contrário a instalação de uma empresa em Nova Prata. Como eu falei antes eu passei ontem a tarde pela área industrial II, lá, como a gente viu entrou 14 ou 15 empresas e o asfaltamento da rua debaixo ainda não saiu, se passaram quase 3 anos e um trecho de asfalto está parado, está na hora do nosso município tomar providencia s e asfaltar aquela rua. A área industrial III visitei ontem a tarde, foi feito só o escavo em 3 anos, como ficou aquela área no final de 2012 está igual, só foi feita abertura da estrada em 2012 e a terraplanagem da Delick’s congelados que o custo foi muito elevado, trabalharam 3 meses um caminhão da prefeitura e a retroescavadeira hidráulica, uma máquina terceirizada de Lajeado, mais dois caminhões, mais a detonação da rocha com a terraplanagem salvador que não me recordo o valor se foi 58 ou 68 mil. Acho que agora que os projetos foram aprovados vamos pedir ao executivo que atenda logo os empresários, faça o asfalto, abra as ruas e faça o que falta naquela área industrial III. Vereador Clodoaldo, sobre o cemitério, está aqui desde junho, eu tenho algumas duvidas sobre o projeto 222, em 2013 a Câmara devolveu 400 mil reais para desapropriar a área de terras para o cemitério, esperaram muito, alguém comprou e foram negociando os terrenos, eu gostaria que o assessor jurídico desta casa fizesse um pedido de informações, pode ser feito amanha, o quanto antes, aí eu libero o projeto para votação, se a licença da Fepam está liberada? Se no plano diretor conta que o cemitério pode ser feito naquele local? Eu também gostaria de saber se o empresário de Marau tem parentesco com algum secretário da prefeitura, aí eu libero sexta-feira ou segunda esse projeto para ir a votação. Que isso seja enviado amanhã para o executivo, eu quero saber e depois eu libero esse projeto, só quero esses três pedidos de informação para poder liberar o projeto. Andando pelo interior, na sexta-feira também no programa da rádio, falei sobre o trecho do Kalábia, está horrível, feio. Vereador Juraci o senhor também estava presente no enterro na quinta-feira da mãe do Vanderlei Modelski, o Polaquinho lá em Santo Estanislau, está horrível a estrada, inclusive a reclamação foi grande lá que passou a patrola na quinta-feira, as 4:30 horas ela foi, ela mexeu um pouquinho de cada vez, 10 metros aqui, mais adiante mais 5 metros, depois mais 10 metros e as 4:30 horas foi embora. Está aí o Juraci, ele viu os trechos patrolados, estava o Dirceu Borsato também, então faça toda estrada ou não faça nada, é horrível aquela estrada. Sobre o Rio Branco também alguma coisa foi mudada, mas muito pouca e a reclamação continua, bastante, então assim, o projeto semana que vem está liberado desde que venha o pedido de informações para mim liberar o projeto. Era isso. Muito obrigado. VER. SEBASTIÃO COSTA MAMEDE: Senhor presidente, colegas vereadores, plateia aqui que nos assiste. Desculpem estou coma voz ruim. Agora a tarde tive uma noticia muito tuim por parte de um grande amigo meu que mora aqui em Vila Flores, Seu Laudino do Carmo, estava lá no bar do um filho, logo depois chegando em Lagoa veio a noticia que seu filho tinha falecido, com 26 anos de idade, nunca tinha isso no médico, teve um ataque cardíaco, que perda. Eu fiquei pensando na minha pessoa, imagine meu pai, minha mãe, meus irmãos, meu sobrinhos, toda minha família lá em Patos, 4.190 km, se acontece com alguém deles ou comigo não vamos ter o privilégio de nos ver pela última vez. Que Deus de muita capacidade para suportar essa dor dele, nós sabemos. Por outro lado fico muito feliz por minha filha ter se recuperado bem, ontem ela fez 25 anos de idade, graças a Deus. Eu vim aqui para falar um pouco sobre meu trabalho como vereador, já que eu sou muito questionado, por muita gente, creio eu que sou o único vereador que é questionado por todo o município, seja ele colono, seja ele empresário, seja quem for, tenho certeza que cada um faz seu questionamento. Estive ontem lá no almoço no Rio Branco, a pessoa que veio me questionar não está aqui na plateia, mas quero deixar registrado. Porto Alegre, 24 de junho de 2013, Excelentíssimo senhor Paraíba Mamede, em atenção ao oficio enviado para a Vivo solicitando melhorias no sinal de telefonia móvel na localidade Povoado Caravagio, Loteamento Vipal, União da Serra, Fazenda da Pratinha, Bairro Rio Branco, São Braz, Linha Garibaldi, Santa Libera, Campestre, Terra Gorda e São Belim, eu passei fazendo um abaixo assinado, onde eu terminei ali por dezembro de 2013, ainda tem gente que vem questionar, eu não tive sucesso, mas esta lá protocolado. Aqui diz no finalzinho, ressaltando que a vivo já cobre 409 municípios sede onde residem aproximadamente 96% da população urbana do Rio Grande do Sul, atendendo os seus compromissos com a Anatel, aproveitamos a oportunidade para renovar nosso apreço de estima e consideração e nos colocamos a disposição para quaisquer outros esclarecimentos que se façam necessários. Ano passado fui até Brasília, por meio de outras reivindicações e estive lá na Vivo também, hoje o Daniel da Encarnação está por lá presidindo, quer dizer, ninguém leva em consideração isso aqui, as pessoas onde eu fiz o abaixo assinado com mais de 600 assinaturas, onde eu tinha uma moto na época e saia com a moto. Acho que tem gente de todas essas comunidades no abaixo assinado, agora porque eu não consegui essa antena da Vivo lá no Bairro Rio Branco, aí eu tenho escutar algumas piadas, porque o povo não faz piada daqueles que não vão atrás, daqueles que nem sequer dizem eu sou vereador, eu tenho um cargo, eu trabalho pelo povo e vou tentar mesmo que não consiga. Não, fazem piada assim, com taxi, com diárias, porque, é porque eu sou preto? É porque sou pobre? Isso me dói. Agora, como eu falei semana passada aqui, porque o povo não fala da hemodiálise? Tem gente aí de braços cruzados achando que eu estou falando besteira, eu desafio nesses 80 anos podem puxar o histórico, podem puxar, pode ter tido igual, agora mais que esse negrinho aqui em prol do município não, digo isso como vereador. Tem gente com dor de cotovelo que tentou isso, tentou aquilo e não consegue, problema de quem for. As vezes eu tenho que engolir sapo e estou passando pra vocês um pouco da minha magoa porque me dói. Semana passada tive audiência onde estava a Dona Veridiana Ciotta representando o Bailado Gaúcho, estava o Gustavo Prates que ainda é presidente da OAB, representando o Festival Internacional de Folclore de Nova Prata, estava a Dona Elenice Guedes representando o Reinaldo Cherubini, alguém veio questionar? Alguém veio dizer Vereador Paraíba meus parabéns? Tivemos audiência com o secretário de Cultura e logo depois tivemos audiência com o representante da Educação porque o secretário não pode receber nós. Um dia antes fui a Porto Alegre ver sobre a cidade metropolitana daqui do eixo de Caxias do Sul, onde o Ronaldo Santini do PTB quer fazer uma emenda, de tarde eu estava lá no DAER junto com o Clodoaldo e o Prefeito Volnei. Eu queria que o povo no geral entendesse e olhasse, não porque eu sou pobre. Tenho certeza que se eu fosse empresário, se eu tivesse dinheiro e se eu fosse branco todo mundo estava me aplaudindo, todo mundo. Tenho certeza que não teria um palhaço para me chamar a atenção e vir com essas brincadeiras de mal gosto comigo e não é só um, nem dois, são diversos. Eu peço a Deus que de saúde a essas pessoas, muita saúde e muitos anos de vida que é para elas verem cada vez mais esse negrinho lá em cima, para essas pessoas verem cada vez mais esse negrinho batalhando e indo atrás das coisas. Isso é o que me deixa com mais vontade ainda de trabalhar por esse município que me adotou, não essas pessoas que acham que são donas de Nova Prata porque é branco, porque é rico, porque é empresário, porque é tudo, se acham. Mas pra mim é igual a mim, quando morrerem vão ser igual a mim, não vão levar nada e a cor branca deles muito menos, vai apodrecer que nem esse negrinho aqui. Vocês me desculpem, mas isso me deixa triste. Depois vou voltar porque tenho mais umas palavrinhas para dizer a vocês. VER. HERMES STORMOVSKI: Meu renovado boa noite a todos. Quero parabenizar a atitude que tiveram os ex-prefeitos Nagib Stella Elias, Mário Minozzo e Vítor Pletsch por terem coragem de ter adquirido essas áreas onde hoje as empresas se instalam, a gente tem que louvar essas atitudes de coragem que os administradores tiveram. Através disso que se constrói Nova Prata, temos que louvar o passado também. Que quero fazer uma pequena colocação, quando eu sugeri em 2013 que fosse feita a pavimentação asfáltica do trevo sul de Nova Prata, aquele de Veranópolis que dá acesso a Nova Prata, eu sugeri que em vez de ser refeito o calçamento que fosse feito o asfalto em cima, a administração achou que lá não poderia ser feito porque lá havia muito desnível e que não ficaria bom o asfalto, menos pior, agora me parece que nos outros locais onde esta sendo feito o recapeamento não tem nenhum tipo de desnível, mas eu sou totalmente favorável a fazer esse tipo de obra, infelizmente é difícil da administração aceitar algumas ideias, é um pouco tarde, mas é bom para Nova Prata. Nós temos que nos preocupar também com esses asfaltos que estão sendo feitos e acrescentar mais bocas de lobo, ali onde estão sendo feitos esses asfaltos, realmente a água vai passar por cima e acabar deteriorando as obras. A administração em dias de chuva deveria dar uma olhada e ver que em vario locais necessita-se de mais bocas de lobo, para não estragar o que esta sendo feito porque esta ficando bonito, acho que a administração tem por obrigação fazer isso. Quero deixar registrado minhas condolências ao nosso colega Vereador que assumiu a casa aqui em 2013, o Vanderlei Modelski que perdeu a mãe semana passada, já com uma certa idade e estava acamada a um bom tempo, quero deixar meu voto de pesar a família. Eu fiz um pedido de informação sobre o carnaval 2015 e tenho algumas duvidas ainda, 4.930 reais foram gastos do Poder público Municipal e mais aproximadamente 130 mil reais de recursos que vieram de terceiros, tenho minhas dúvidas por isso continuam insistindo, quero sanar as minhas dúvidas pois são recursos bem consideráveis que foram gastos no carnaval 2015 lá na Associação dos Motoristas. Também quero parabenizar aqui os patrões que passaram pelo Retorno a Querência e que no ultimo sábado lá na Associação dos Motoristas teve o jantar comemorativo dos 30 anos do CTG Retorno a Querência, então, a eles quero deixar meus parabéns pelo belo trabalho social deles. Estive também na festa do Rio Branco e o choro lá continua, é telefone, é estrada, as mais diferentes cobranças que vem em cima dos vereadores, o que cabe a nós é tentar explicar e dizer que a gente sugere, mas a gente não consegue fazer. Era isso que eu tinha, boa noite a todos. VER. ADELAR LORENCET: Senhor presidente, colegas vereadores, funcionários da casa, plateia que nos assiste, ex-vereadores do município, empresários que se encontram nessa casa. Sobre o assunto, no inicio da reunião eu fiz um requerimento assinado por 6 vereadores onde o regimento interno da casa diz o artigo 118 diz que que qualquer requerimento tem que ser lido e votado, mais uma vez essa casa não cumpriu o regimento interno da Câmara de Vereadores, então, é lamentável que nós temos uma pessoa aqui que manda mais que o presidente, o que ele fala o presidente acata, então, eu acho que o presidente tem que tomar peito de cumprir o regimento interno, é lamentável mais uma vez que aconteça isso. Até eu gostaria que o presidente depois dos pronunciamentos aqui na Câmara que o senhor leia esses requerimentos, o senhor tem obrigação de ler, faz favor. Também venho nessa tribuna hoje para dizer que muita coisa o PTB contribuiu para o município de Nova Prata, em 2014 o Deputado Ronaldo Santini mandou 1 milhão de reais da Metroplan para o munícipio onde seria feita a pavimentação de várias ruas, esse convenio o atual governo do Estado, o Sartori, não está cumprindo o que foi assinado no governo passado, então, só foi mandando uns 670 mil e o resto está engavetado lá, que o governo do Estado não tem dinheiro. Em 2009 o Deputado Pietroski mandou uma emenda parlamentar de 80 mil reais para Nova Prata, foi adquirido junto ao hospital São João Batista uma ambulância, até hoje a ambulância nova está lá. Depois, o Deputado Luiz Carlos Busato mandou 1 milhão de reais para pavimentação asfáltica, 4 km na Estrada Buarque de Macedo ali onde começava o Loteamento Clivatti até as proximidades do Rio Branco, 800 metros na Linha Strapazzon, depois do matadouro do Fanton foi feito mais esses 800 metros que vai para a Fazenda da Pratinha I, mil metros na Fazenda da Pratinha, antes da capela do pessoas que tem as uvas Salton, foi até quase a capela, 800 metros na Capela N. S. da Saúde que foi feito no final desse inverno e agora mais 100 metros a administração com recursos próprios terminou até a capela N. S. da Saúde, mais 800 metros na Capela São Braz, do cemitério do Rio Branco sentido a Capela São Braz. Veio mais 300 mil da reforma do CRAS, lá em Santa Cruz, mais uma emenda do Luiz Carlos Busato, depois nosso deputado também mandou 3 milhões e 400 mil reais que está sendo construída a escola da Santa Cruz. Então vejam que o PTB em pouco tempo, 6 anos e meio, mandou quase 6 milhões de reais para nosso município, isso é um trabalho de todo PTB municipal junto com seus deputados. Era isso pessoal, boa semana a todos. VER. CLODOALDO DIAS MORAES: Senhor presidente, colegas vereadores, plateia que nos assiste, novamente eu estou aqui. Eu gostaria de falar a respeito desses projetos que eu falei primeiro, eles vem para a Câmara e é pedido Vistas, Baixa, acho que quando é um projeto bom para o município nós deveríamos fazer essa votação, foi as mesmas coisas a respeito a área industrial, foi valido os empresários terem vindo quarta-feira, a gente conversou viu o interesse de todo mundo, o que eles pretendem fazer com isso. Como eu estava falando, a área industrial onde o Vereador Hermes tem empresa, lá tem uma quadra inteirinha sem nenhuma empresa em cima, quem é proprietário dessa terra? Então o poder público vai ter que comprar mais um pedaço de terra para fazer uma área industrial para colocar mais 10 ou 12 empresas sabendo que lá ainda tem lugar para colocar empresas? Ou foi criada essa lei que em 2 anos tem que ser feita a empresa ou é tirado só agora? Ao menos o Vítor Pletsch falou na rádio, eu conversei com ele lá que ele estava dando entrevista, ele disse que está lá, alguém é dono daquilo. Quem será que é o dono? Acho que isso teria que isso teria que ter uma investigação também e fazer com que o proprietário construa ou usem da mesma forma que a área industrial aqui em cima, retirem e deem para quem tem interesse em fazer, porque tem bastante gente na espera e aqui terminou os terrenos. Acho que a administração está fazendo o possível, com essa crise que está hoje, o tempo do Sérgio era bastante farto, fez bastante asfalto, hoje está sendo feito também, devagar está sendo feito, acho que isso é valido, o pouco que se faz, mas não está parando. Olhem a Buarque de Macedo, falam tanto da entrada do Município, aqui foi muito batido, será que foi só nessa administração eu entrou o Volnei que essa estrada estava ruim? Isso vem de anos. Acho que a pessoa tem que valorizar o que foi feito na administração passada, mas nessa também a gente tem que olhar e dizer que esta sendo feito, devagar, a crise está aí, mas está sendo feito. Então, eu queria desejar uma boa noite a todos, aos antigos vereadores, senhores empresário que se fazem presentes e queria parabenizar porque cada um de vocês fez algo por Nova Prata. Parabenizo a todos e tenham uma boa noite. VER. SEBASTIÃO COSTA MAMEDE: como falei antes, quero dizer a vocês aqui e deixar bem frisado que o que eu explanei antes é para que aqueles que pensam e falam tudo aquilo que eu relatei, não é para todo mundo. Com certeza, como o Vereador Hermes falou aqui de ontem, na festa onde estávamos no Rio Branco, tenho certeza que ninguém foi questionar ele da maneira que me questionaram, ainda bem, como Deus é pai, o questionamento para o Hermes foi totalmente light, porque que para esse negrinho, cabeça chata aqui é com essas ironias, por quê? Será que nós seres humanos não somos as mesmas pessoas? Eu não tenho o costume de sair de festa assim que almoço, gosto de sair mesa por mesa, cumprimentar todos olho no olho, falar, perguntar, é meu costume, mas é triste quando a gente chega para falar com um ou outro e recebe isso aí, é muito ruim. Só que é como eu falei antes, não vou desistir não, aqui estou vendo um colega meu que trabalhamos na Vipal a noite, infelizmente lá era privado onde trabalhei por cerca de 7 anos e minha maneira toda vida foi uma só, eu poderia estar até hoje lá trabalhando, mas eu não sou de puxar saco de ninguém, eu vou pelo certo, onde tem coisa errada eu gosto de corrigir, é por isso que eu estou aqui a 4.190 km da minha terra natal. Quero dizer mais uma vez, como tem muitos ex-vereadores aqui hoje com certeza eu me acho de muito prestigio de estar usando e exercendo essa mandato como vereador e digo mais, com toda certeza, que se alguém ver eu mudar, com certeza não vai ser para ruim, mas sim para melhor para nosso município. Digo ainda senhor presidente, que como eu falei com meu colega Átila antes, que eu vou ter que andar com um gravador ligado, não é de mim, mas ano que vem tem eleição, o qual eu não sei se vou concorrer ainda. Digo a vocês, como muita gente fala, que ganha 4 ou 6 mil reais, fora diária, fora taxi, é uma piada não, mas quero deixar registrado mais uma vez que jamais essas pessoas que hoje me questionam, que tem a coragem de vir com essas piadas, tenho certeza que vou querer que ela vivam não só mais um ano, nem 10 , nem 20, mas que vivam mais 50 ou 100 anos para me verem cada vez melhor. com essas palavras eu desejo a vocês uma boa noite, uma boa cerimonia para todos os ex-vereadores e para nós presentes e depois uma boa janta. Senhor presidente, eu só queria, não é certeza, juntamente com o vereador Altir Ferro, quarta-feira eu tenho audiência com o Sr. Lauro Diretor de Transportes do DAER em Porto Alegre, não tenho certeza que eu vou, mas é quarta as 11 horas e eu gostaria de meia diária. Nada mais havendo a tratar, o Presidente agradeceu a presença de todos e em nome de Deus, declarou encerrada a presente sessão. Lavrou-se esta ata, que após aprovada, será assinada pelos Vereadores. Ver. Ismael Frison – PMDB Ver. Altir José Ferro – PMDB Presidente Vice-Presidente Ver. Hermes José Stormovski – DEM Ver. Luciano Toscan – PTB 1º Secretário 2º Secretário Ver. Fernando David – PDT Ver. Sergio Zenbruski – PSD Ver. Sebastião C. Mamede – PSB Ver. Adelar Lorencet – PTB Ver. Clodoaldo D. Moraes – PT Ver. Gilmar Peruzzo – PMDB Ver. Antônio de Oliveira - PR

Câmara de Vereadores de Nova Prata

54.3242.1633 . Av. Cônego Peres, 140, Centro . Nova Prata . RS

© Todos os direitos reservados - www.camaranovaprata.rs.gov.br
VoopeLayout Plena Publicidade